ATUALIDADE

Suspeitos de terem atirado contra a escritora Kuki Gallmann foram mortos

Suspeitos de terem atirado contra a escritora Kuki Gallmann foram mortos

Data: 24-04-17

A escritora italiana, naturalizada queniana, Kuki Gallmann foi atingida por um tiro no estômago durante uma patrulha na sua herdade em Laikipia, no Quênia.

Gallmann foi alvo de um grupo de pastores que invadiu o seu terreno para alimentar os seus animais e foi atingida enquanto estava a patrolhar o local com o seu motorista.

De acordo com a filha da escritora, Sveva Gallmann, a mãe passou por uma cirurgia de sete horas e q sua situação médica agora é estável.

O ministro do Interior do Quênia, Joseph Nkaissery, emitiu uma nota a informar que dois suspeitos foram mortos numa ação da polícia no local. Nkaissery informou ainda que outras pessoas foram presos por suspeita de terem participado na invasão.

De acordo com o vice-presidente da associação de moradores de Laikipia, Richard Constant, esta não foi a primeira vez que pastores invadiram a fazenda da escritora. E que estas invasões ocorriam com uma certa frequência há alguns anos.